Quem tem participação nos resultados pretendidos em Pontal do Paraná?

Deve haver transparência absoluta para sabermos quem são todos os investidores e beneficiários com participação nos negócios que podem transformar Pontal do Paraná num grande centro industrial químico e petrolífero

Ver mais

Como a grandiosa missão do ICMBio para o Brasil está por um fio

A luta do ICMBio recebe ânimos contrariados dos que ainda enxergam a conservação como um empecilho ao desenvolvimento

Ver mais

Como um funcionário público que atendeu a interesses privados pode agora virar deputado estadual

O ex-presidente do IAP não desviou um milímetro das obrigações demandadas por seus chefes durante a última gestão estadual. Infelizmente, fez isso na contramão da missão que deveria ter cumprido como funcionário público à frente do principal órgão ambiental do Estado do Paraná

Ver mais

Com a mudança de governo no Paraná, o que muda na área ambiental?

A nova gestão que seguirá até o final de 2018 pretende manter práticas até então sustentadas ou irá buscar uma moralização do que se transformou na pior gestão ambiental da história do Paraná?

Ver mais

Que futuro queremos para Pontal do Paraná?

Os Relatórios de Impacto Ambiental (Rima) para esses empreendimentos apontam mais de 170 impactos negativos, problemas sérios a serem deixados para o futuro

Ver mais

Os incalculáveis benefícios que a natureza concede a Pontal do Paraná

A realização de um conjunto de empreendimentos industriais no município condenaria a oferta de recursos naturais e o potencial turístico de uma região que é única no Brasil

Ver mais

O governo do Paraná está nu

Nas semanas finais da sina que representou esse governo, mesmo que já seja tarde, cabe exaltar a necessidade de uma intervenção imediata de instâncias responsáveis no governo federal, que extirpe do poder aqueles que cumpriram um papel vergonhoso, acarretando prejuízos incontáveis e incalculáveis ao povo paranaense e ao nosso patrimônio natural

Ver mais

Pontal do Paraná: governar a serviço da população, nem sempre é abrir estradas

O problema logístico, sem entrar em méritos ambientais, já é mais do que suficiente para que a nova rodovia que seria feita no município seja questionada. É contraditório e, obviamente, questionável que uma proposta que acumula incoerências relativas a questões básicas de engenharia de trânsito e logística vá adiante

Ver mais

É hora da definição: seremos líderes ou vilões climáticos?

Se o governador do Paraná levar adiante seu plano para desmatar um remanescente único de Mata Atlântica no litoral do Estado, há grandes chances de ficarmos na vilania. Isso porque a floresta perdida deixaria de armazenar carbono e renderia um volume expressivo de emissões na conta nacional

Ver mais

Um porto caro demais e uma estrada sem sentido

Se viabilizados nos moldes como estão sendo propostos, os empreendimentos vão extinguir tesouros naturais e culturais construídos ao longo de milhares de anos, que evaporarão no calor do asfalto e ao som da marcha fúnebre das motosserras

Ver mais

Por que aprovar empreendimentos de impacto negativo no Litoral?

Por que recursos públicos da ordem de R$ 369 milhões não são aplicados em melhorias diretas da qualidade de vida da população e estímulo ao turismo na região?

Ver mais

A incapacidade da gestão pública em administrar o patrimônio natural

O que é mais vergonhoso, o desmatamento ilegal ou aquele que quer se configurar perante a lei, com devidas autorizações e segurança jurídica?

Ver mais

Das araucárias à Amazônia: os insaciáveis desmatadores sulistas

Há inúmeras provas de que a impunidade secular e a tradição extrativista sulista – que arrasou 99% da floresta com Araucárias e Campos Naturais – se disseminou pelo país. Assustadoramente, os fantasmas da Guerra do Contestado parecem perambular pelo arco do desmatamento da Amazônia

Ver mais

Utopia conservacionista

Com tantas evidências fáticas de que o caminho é torto e sem um final feliz, há de se estruturar movimentos que busquem efetivamente tornar nossa existência mais consistente com a responsabilidade que temos com as futuras gerações

Ver mais

De norte a sul do Brasil, as tentativas de desmonte de unidades de conservação continuam a todo vapor

O poder Legislativo não pode alterar, diminuir ou extinguir uma unidade de conservação por mera vontade de sua maioria. Por isso, um Projeto de Lei que diminui uma área protegida é completamente inconstitucional

Ver mais

A legislação ambiental brasileira é restritiva demais para os negócios?

Parece haver uma compreensão distorcida de que proteger áreas naturais onde há nascentes, beiras de rios e encostas é algo prejudicial à economia

Ver mais

A Mata dos Godoy: um tesouro de Londrina

Como um diamante, a Mata dos Godoy é hoje uma preciosidade de valor inestimável, que resguarda uma diversidade de espécies animais e vegetais extinta nas demais terras da região, preponderantemente destinadas à agricultura extensiva

Ver mais

Eixo de pontal: utilidade pública para quem?

O Governo do Estado do Paraná não tem poder ilimitado. Seus atuais gestores agem irresponsavelmente e comprometem o futuro dos paranaenses

Ver mais

Julgamento do novo Código Florestal: uma chance para redimir excessos

As oportunidades de correções de rumo são raras. E dependem de iniciativas da sociedade civil organizada, que conta com recursos legais para acionar o judiciário em potenciais contestações, pelo menos, daquilo que representa afronta maior à sociedade brasileira

Ver mais

Escarpa Devoniana, oportunidades econômicas e proteção ambiental

O Paraná deve continuar a pressionar seus deputados de forma a garantir a manutenção dessa região tão única e bela, que fala tanto de nosso passado, e que pode garantir oportunidades fantásticas ao nosso futuro

Ver mais

Lições da chuva ácida

Para não perdermos a grande sensibilização, resolvemos aqui complementar o alerta da Defesa Civil e fazer alguns esclarecimentos importantes

Ver mais

Como seria o Brasil na gestão de um presidente “agro é tudo”

Nessa gestão, todas as regalias que incrementam a legislação do país estariam cada vez mais voltadas a dar lastro e segurança ao agronegócio

Ver mais

A primavera e o líder do Governo do Paraná

O anúncio de Romanelli, que renunciou sua posição de apoio ao PL 527/2016, tal qual um ramo de árvore aparentemente sem vida que rebrota e floresce, indica que nem tudo está perdido em relação a postura que a sociedade espera de nossos políticos

Ver mais

Os impactos da monocultura política do agronegócio brasileiro

O setor está tão emaranhado na política e é tão opulento que, independentemente do partido no poder, terá seus espaços pronta e completamente atendidos

Ver mais

O fim do inverno nos Campos Naturais do Paraná

Quem sabe a insolência de tantos anos, que nos pressiona ao limite, gere alguma dor de consciência da espécie humana, tão tristemente pobre de valores. Inconsequente e egoísta.

Ver mais

A diferença entre “plantar árvores” e conservar remanescentes

Lembro-me que nas homenagens ao Dia da Árvore não poderia faltar a cerimônia do plantio de uma muda de pinus no pátio do colégio. Tentavam nos convencer de que, com aquele gesto, estávamos compensando as centenas de árvores gigantes e centenárias extraídas da Mata Atlântica

Ver mais

O governo do Paraná e o marketing falacioso da conservação

Uma administração fracassada, conivente com toda sorte de flexibilizações que dilaceram o que ainda resta de áreas naturais no estado, ainda tem o descaramento de contar vantagem

Ver mais

Projeto de Lei ameaça patrimônio natural e cultural do Paraná

Se aprovado, o projeto reduzirá uma Unidade de Conservação legalmente estabelecida e abrirá caminho para outras aberrações semelhantes por todo o país

Ver mais

Como o Brasil sagrou-se campeão em corrupção e devastação ambiental?

O Brasil segue sendo o que parece ter sido programado para se tornar desde o princípio: uma terra que se arrasa e de onde se extrai rapidamente todas as riquezas por uma casta

Ver mais

O desmonte da gestão do patrimônio natural do Paraná

Os desmates em nosso estado dobraram em intensidade a cada ano, motivados, evidentemente, pela mão frouxa e irresponsável dos gestores públicos

Ver mais

A falta que a educação ambiental nos faz

A educação ambiental é um processo permanente e precisa ser tratada como fator de transformação, e não como atividade a ser promovida apenas em datas comemorativas

Ver mais

Por que propostas que defendem o corte de araucárias para salvar a espécie são injustificáveis

Ou seguimos o caminho de um negócio que já se extinguiu como atividade econômica de alguma relevância em meados do século passado, ou avançamos com inteligência e bom senso para um novo capítulo de nossa história

Ver mais

Por que precisamos criar unidades de conservação de Floresta com Araucária

A floresta foi praticamente dizimada em menos de 100 anos

Ver mais

IAP, referência do que um órgão ambiental jamais deve ser

O Instituto Ambiental do Paraná hoje atende a interesses de setores produtivos interessados no lucro rápido, e não mais de toda a sociedade paranaense

Ver mais

Ecologia não é ideologia

Questões relativas ao meio ambiente também permeiam a educação e a segurança pública. Conservar deve ser uma obrigação comum a todos

Ver mais

A quem interessa reduzir a proteção do patrimônio geológico do Paraná?

O mais assustador nessa situação, é que toda a proposta de lei baseia-se em um único estudo realizado pela Fundação ABC, que tem como missão “desenvolver soluções tecnológicas para o agronegócio”

Ver mais

Preservar os cursos de água é garantir a saúde da vida na Terra

O Estado do Paraná não deve posicionar-se na contramão quando se discutem ações globais de preservação de corpos de água. A geração de empregos é fundamental, mas a qualidade de vida futura é imprescindível

Ver mais

Educação ambiental e participação popular andam e transformam juntas

Cabe à educação ambiental, como parte de um processo político e pedagógico, desenvolver a cidadania e estimular conhecimentos interdisciplinares baseados em uma visão globalizada e integrada de mundo

Ver mais

O menino que amava as araucárias

A percepção de que a degradação da Floresta com Araucária era abusiva marcou o momento do nascimento naquela criança de um grande amor pela que foi, e continua sendo, uma das árvores mais exuberantes e também cobiçadas da Mata Atlântica

Ver mais

Por que o aumento da destruição da Mata Atlântica não surpreende

Ecossistemas da Mata Atlântica, como a Floresta com Araucária, sofrem um abusivo ataque há mais de 500 anos, que agride e dilapida a biodiversidade, num processo histórico suportado por um Estado contraditório, relapso e conivente com a degradação do patrimônio natural e cultural

Ver mais

Por que a araucária está ameaçada de extinção?

A redução nos remanescentes de Floresta com Araucária diminui o fluxo de genes entre as árvores. Isso prejudica a capacidade de a espécie reagir a ameaças, como clima, poluição e doenças

Ver mais

Transferir às prefeituras a concessão de licenciamentos ambientais é um erro grave

Além de suscetível a pressões por representar a viabilidade ou não de grandes empreendimentos econômicos, a concessão exige olhar isento e calibrado para que sejam garantidas condições de impacto mínimo à biodiversidade e à sociedade

Ver mais

APA da Escarpa Devoniana: uma verdadeira sala de aula

Os chamados “espaços não formais de aprendizagem” incluem locais e processos diferenciados por meio dos quais é possível adquirir e compartilhar novos saberes e valores

Ver mais

Polícia Ambiental, um aniversário com pouco a comemorar

Cabe como nunca enaltecer a importância de ações de controle e de fiscalização frente a crimes ambientais como o desmatamento, o extrativismo e a caça

Ver mais

As oportunidades de negócios escondidas nas áreas protegidas

Momentos de crise, como o vivido pelo Brasil, podem nos auxiliar a enxergar as UCs como estratégicas para a retomada do crescimento, a partir dos benefícios socioeconômicos que podem oferecer

Ver mais

Projeto de lei pode liberar até caça com cães dentro do parque nacional

A proposta, que tramita na Câmara dos Deputados, permite a caça de animais silvestres com armas de fogo

Ver mais

A riqueza escondida na APA da Escarpa Devoniana

Estudos realizados no Parque Estadual do Guartelá revelaram uma alta diversidade de espécies arbóreas, superior à encontrada em áreas contínuas de Floresta com Araucária e equivalente à registrada na Floresta Atlântica

Ver mais

APA da Escarpa Devoniana: quem contribui com a desinformação?

São absolutamente inverídicas as afirmações de que ambientalistas radicais querem criar confusão e induzir a população ao erro como alguns têm afirmado

Ver mais

A araucária e a erosão genética que destrói a Mata Atlântica

Só a araucária, também conhecida por pinheiro brasileiro, já perdeu mais de 50% da variabilidade genética em virtude da exploração florestal. Quanto maior o índice de perda, mais próxima da extinção fica uma espécie

Ver mais

Deseducação, desmatamento, egoísmo e impunidade

Do ponto de vista moral, temos uma classe política de comportamentos medievais; fidalgos de ternos, cuidando de suas capitanias hereditárias. Tomam posse de seus mandatos, como se tomassem posse do Estado

Ver mais

Lugar de aluno é na audiência pública, sim

No momento em que se propiciam condições para praticar a interdisciplinaridade, somos questionados por retirarmos os jovens das carteiras, da frente do quadro-negro, e colocá-los em pé, de cabeça erguida, encarando o mundo

Ver mais

Novas cavernas e espécies são descobertas em área ameaçada do Paraná

O Grupo Universitário de Pesquisas Espeleológicas investigou uma área de apenas um quilômetro de extensão na região chamada Escarpa Devoniana, que mede 260 vezes mais

Ver mais

O que 25 anos de pesquisas sobre a Escarpa Devoniana revelam?

Estudos do Ministério do Meio Ambiente apontam os Campos Gerais do Paraná como área prioritária de “extrema importância para a conservação”, por seu alto potencial biótico e riqueza específica

Ver mais

APA da Escarpa Devoniana pode perder 70% de sua área

Projeto de lei prevê alteração dos limites da APA da Escarpa Devoniana, localizada no Paraná, representa grave ataque à sociedade. Se passar a valer, municípios da região também vão ver despencar os recursos provenientes do ICMS Ecológico

Ver mais

O que faz sentido aos paranaenses?

Apesar da imensa representatividade para a conservação e os paranaenses, em menos de cem anos, chegamos muito perto de destruir uma espécie que sobreviveu à era jurássica

Ver mais

Por que não é possível reabrir a exploração madeireira comercial na Mata Atlântica?

Iniciativas que pretendem autorizar o desmatamento ou a exploração do bioma, se permitidas, podem extinguir últimos remanescentes nativos do ecossistema, já muito pressionado

Ver mais

O trágico destino da Ilha do Mel

A região encontra-se na iminência de ser severamente impactada pela construção de novos empreendimentos portuários e de uma gama de obras acessórias em Pontal do Paraná

Ver mais

ICMS Ecológico completa 25 anos no Paraná, mas poucos recursos vão para a conservação de áreas naturais

Maioria dos municípios não investem recursos do ICMS Ecológico na manutenção de áreas naturais

Ver mais

Por que Unidades de Conservação são um grande negócio?

O modelo mental que defende a destruição de remanescentes naturais para impor a ampliação de áreas para a agricultura ignora o verdadeiro potencial econômico adicional que o turismo de natureza pode proporcionar

Ver mais

Restam 0,8% de Floresta com Araucárias e 0,1% de Campos Naturais no Paraná

Por que essa devastação ocorreu e o que acontece se ela continuar?

Ver mais

Por que o manejo sustentável com araucárias é um mito?

O suposto manejo, se realmente fosse sustentável, poderia se tornar uma técnica saudável. A realidade, no entanto, prova que os resultados são outros

Ver mais

Floresta Ombrófila Mista: a floresta perdida

Por que a Floresta com Araucária e os Campos Naturais parecem estar fora do mapa da maioria das pessoas?

Ver mais

O risco ambiental da expansão de áreas portuárias no Litoral

É possível levar desenvolvimento aos municípios do Litoral de forma compatível com as características naturais e culturais das comunidades locais, sem comprometer a biodiversidade e a dinâmica natural do local

Ver mais

O agro nunca será tudo, mas pode ser muito mais

Existem possibilidades plenas de maior proximidade entre a agenda da conservação da natureza e a da produção rural

Ver mais