Destaque

Filme que denuncia ilegalidades do projeto de lei que quer mutilar APA da Escarpa Devoniana é lançado

Em menos de uma semana, mais de 33 mil e-mails enviados pela sociedade pedindo o arquivamento da proposta já chegaram aos deputados paranaenses. Estranhamente, alguns estão voltando

Só uma sociedade bem informada a respeito da riqueza, do valor e da importância da biodiversidade é capaz de preservá-la. Informada, a sociedade saberá o que fazer e o que não fazer. Saberá impedir que aconteçam coisas que ameacem a biodiversidade. Saberá transformá-la em um tema decisivo na política.

Washington Novaes, jornalista

Veja o mapa da degradação das Florestas com Araucárias

Notícias

Salve a Ilha do Mel

Exposição fotográfica e ato na Avenida Paulista levam à São Paulo informações sobre porto privado que pode ser feito em frente à Ilha do Mel

Ações levaram à capital paulista esclarecimentos sobre os prejuízos que a possível instalação de um porto em frente à Estação Ecológica, que é também um patrimônio da humanidade, pode causar para a natureza e a sociedade

Salve a Ilha do Mel

Observatório de Justiça e Conservação leva oficina de fotografia e mídias sociais para moradores da Ilha do Mel

Encontros ocorreram dias 13 e 20 de julho, durante a Festa da Tainha, e levaram aulas de fotografia, edição de imagens, redes sociais e ensinamentos sobre biodiversidade e ameaças que empreendimentos portuários impõe às regiões que ocupam

Salve a Ilha do Mel

Entidades lançam financiamento coletivo para propor solução de estrada alternativa para Pontal do Paraná

Movimento em defesa do litoral do Estado e da Ilha do Mel é contrário à construção de um porto privado viabilizado com milhões de dinheiro público e de uma rodovia questionável e ineficiente, que pode ser feita só para atendê-lo

Salve a Ilha do Mel

OJC e Barco Sorriso prestam mais de cem serviços médicos e odontológicos a comunidades tradicional e indígena do litoral do Paraná

A carência de serviços básicos de saúde nos locais visitados chama muito a atenção. Especialmente em Maciel, faltam postos de saúde, escolas, oportunidades de geração de renda, segurança e, acima de tudo, respeito às comunidades

Salve a Ilha do Mel

OJC e Barco Sorriso prestam atendimento odontológico e médico a comunidades tradicional e indígena do litoral do Paraná

Ação ocorre no sábado, dia 09, e vai beneficiar 110 pessoas, entre crianças, adultos e idosos da comunidade do Maciel, além de índios da etnia Guarani que vivem na região. Eles carecem de atenção e cuidados públicos básicos

Salve a Ilha do Mel

Campanha “#SalveAIlhaDoMel” lança produtos para arrecadar fundos e promover mais ações em defesa da Ilha

Parte da renda arrecadada com as camisetas e ecobags será doada para benefício da comunidade e de crianças da Ilha do Mel, ameaçada pela eminência de instalação de um agressivo complexo industrial no litoral do Paraná

Denúncia

No “apagar das luzes”, Governo do Paraná quer que o Estado “engula” ainda mais agrotóxico

A uma semana do fim do ano, governo se organiza para anular resolução estadual que estabelece mais controle para o uso das substâncias próximo a mananciais de captação de água, núcleos populacionais, escolas, habitações e agrupamentos de animais

Salve a Ilha do Mel

OJC conquista liminar que suspende desapropriação de áreas para Faixa de Infraestrutura

Em caráter liminar, decisão afixa multa diária de R$ 500 mil, caso governo desrespeite a ordem judicial

Saiu na imprensa

Opinião

Natureza é melhor que porto

O suposto “passivo” do nosso litoral é na verdade um grande “ativo” a ser aproveitado

Ver mais

Um presídio e um cemitério para Pontal do Paraná

De modo absolutamente questionável e contrariando múltiplos questionamentos legais, o governo do estado do Paraná pode investir R$ 369 milhões na primeira fase da construção da chamada “Faixa de Infraestrutura”. Ela prevê um conjunto de obras feitas para atender as necessidades de um único empresário responsável pelo investimento do tão falado e controverso porto de Pontal do Paraná.

Ver mais

Os pinheiros agonizam

O dia 24 de junho de 2019 vai passar. E passará nos impondo a amarga sensação de que, diante de tantas fragilizações e retrocessos ambientais, à natureza brasileira é imposta, cada vez mais, pobreza, violência, agressão, omissão pública e tristeza

Ver mais

Reportagem especial

Mais de uma década depois de criadas, unidades de conservação federais sofrem com a falta de recursos públicos

Elas foram legalmente criadas entre 2005 e 2006 para proteger importantes remanescentes de Floresta com Araucária e Campos Naturais no Paraná e Santa Catarina, mas falta de recursos federais impede que sejam desapropriadas e prestem serviços ecossistêmicos e turísticos efetivos à população

Galeria de fotos

Conheça as surpresas que escondem a Floresta com Araucária e os Campos Naturais – Fotografias de Zig Koch